Atualizado em 4 de fevereiro | 2021 por SAS

A cada início de ano letivo, professores e gestores escolares costumam se reunir para organizar as atividades previstas para o ano escolar. Com as mudanças na Educação Básica trazidas pela Base Nacional Comum Curricular (BNCC) e o Novo Ensino Médio, essa tarefa se tornou ainda mais desafiadora para os agentes escolares, que passaram a, obrigatoriamente, fazer o planejamento anual de acordo com a BNCC.

Isto porque a BNCC é um documento técnico e oficial estabelecido pelo Ministério da Educação (MEC), e que se tornou referência para os currículos e práticas pedagógicas das redes públicas e particulares de todo país. 

Além da obrigatoriedade, é importante frisar que o documento representa um importante marco para a melhora do ensino no Brasil, já que a BNCC estabelece as aprendizagens essenciais que precisam ser trabalhadas na Educação Infantil, no Ensino Fundamental e Ensino Médio. 

O documento também define as 10 competências gerais que devem ser desenvolvidas ao longo da Educação Básica. Dessa forma, a ideia é oferecer aos estudantes uma formação mais humana e integral, com o objetivo de diminuir as desigualdades e construir uma sociedade justa, democrática e inclusiva. 

Portanto, o planejamento anual de acordo com a BNCC também direciona as escolas para a oferta de um ensino atualizado e em consonância com os objetivos sociais que o documento preconiza. É importante destacar, ainda, que, no atual contexto das atividades remotas devido à pandemia, a BNCC é uma bússola que ajuda professores a manterem o conteúdo adequado  aos objetivos de cada etapa de aprendizagem. 

Outro benefício trazido pela BNCC é o incentivo ao uso das novas tecnologias, o que, além de preparar os alunos para enfrentar os desafios do século XXI, alinha as escolas à nova realidade da educação, que, atualmente, caminha a passos largos para a consolidação do ensino híbrido.

Neste post, explicamos quais são as melhores estratégias para você realizar um planejamento anual de acordo com a BNCC e potencializar os resultados das aulas. Boa leitura!

Professores devem se antecipar e realizar o planejamento anual de acordo com a BNCC.

Planejamento anual de acordo com a BNCC: principais passos

É recomendável que o planejamento anual de acordo com a BNCC seja flexível e adaptável, tanto às aulas presenciais, quanto às aulas remotas. Isso facilita (e muito!) a vida do professor, que poderá fazer os ajustes necessários de acordo com o andamento do ano de 2021.

Vale lembrar que o MEC  homologou o Parecer 19/2020 do Conselho Nacional de Educação (CNE), que autoriza as atividades remotas, do Ensino Básico ao Superior, enquanto durar a pandemia. Além disso, o calendário das redes de ensino municipais e estaduais, pelo Brasil afora, já estão prevendo o retorno das aulas presenciais e remotas. 

Dessa forma, é aconselhável que todas as escolas estejam preparadas para continuar o ensino on-line e/ou híbrido em 2021, e que o planejamento anual de acordo com a BNCC leve em consideração o contexto da pandemia

É importante ressaltar que a BNCC não é um currículo, e sim um instrumento norteador, por isso, a orientação é que o planejamento anual de acordo com ela contemple as especificidades regionais de cada localidade. Ou seja, as escolas devem construir seus planos e práticas pedagógicas de acordo com a sua realidade social e cultural. 

Na prática, a BNCC tem por objetivo não apenas promover o acesso às aprendizagens essenciais dos estudantes, mas, também, garantir que a diversidade cultural presente no Brasil seja valorizada e esteja presente no processo educacional. 

A seguir, confira quatro dicas para estabelecer o planejamento anual de acordo com a BNCC.

1. Estabeleça os objetivo do planejamento

O planejamento precisa ser claro em relação aos objetivos que devem ser atendidos ao longo do ano letivo, inclusive, sobre as diretrizes da BNCC. Uma dica é reler o planejamento do ano anterior para analisar o que deu certo e o que não ocorreu como esperado, quais dificuldades surgiram no cumprimento dos objetivos e o que pode ser melhorado. 

2. Escolha estratégias 

É importante escolher estratégias para aplicação do planejamento anual de acordo com a BNCC, desde as questões administrativas que contemplam pontos relativos à otimização de tempo e recursos financeiros, até as que envolvem a adoção de recursos e metodologias estratégicas. Não podemos esquecer também que o planejamento deve estar alinhado ao Projeto Político Pedagógico (PPP) da escola. 

3. Defina os recursos necessários

Faça um checklist dos recursos necessários para a execução do planejamento, como materiais de uso em sala de aula, investimentos em tecnologias e formação continuada de professores, se necessário.

4. Siga o planejamento 

Pode parecer óbvio, mas é isso mesmo! Um ponto importante para professores e gestores escolares é a disciplina para seguir com as atividades escolares, de acordo com o planejamento. É claro que isso não significa ter rigidez, afinal, é normal que durante o ano seja necessário fazer ajustes. 

No entanto, manter o foco em relação ao que foi combinado no planejamento anual evitará desvios que podem prejudicar os resultados pedagógicos. Após a construção do planejamento, é importante, também, montar um cronograma considerando os seguintes pontos:

  • Datas 

O cronograma do planejamento anual de acordo com a BNCC deve especificar as datas do início e fim do ano letivo, além da quantidade de dias que serão contabilizados como dias de aula. É importante explicitar as datas que correspondem às datas comemorativas, recessos e feriados, dias de reuniões pedagógicas, conselhos de classe e reuniões de pais, etc.

  • Grade horária 

O cronograma deve levar em conta a matriz curricular que contém a carga horária das disciplinas e dos conteúdos que serão aplicados durante o ano letivo. Aqui, vale ressaltar que as carga horária das disciplinas e do ano letivo são estabelecidos por Lei. 

Os professores do Novo Ensino Médio devem estar atentos às mudanças que ocorreram para essa etapa de aprendizagem, tanto em relação à carga horária, quanto em relação à oferta de novas matérias. 

  • Rotina de avaliações e projetos

Defina o cronograma das avaliações que serão feitas pelos professores e das datas em que devem ocorrer projetos escolares com a participação dos alunos. Lembre-se de que, na modalidade híbrida, a organização de um cronograma também contribui para que os docentes possam preparar com antecedência essas atividades quando dependerem do uso de tecnologias. 

  • Rotina de formação continuada

Estabeleça previamente no cronograma as datas nas quais estão previstas atividades de formação para professores e demais integrantes da equipe escolar. Isso permite que todos elaborem seus planejamentos pessoais de forma antecipada e reduz as mudanças de última hora.

O planejamento anual de acordo com a BNCC deve prever a formação continuada dos professores para, assim, ser bem-sucedido.

Dicas para o planejamento anual de acordo com a BNCC na Educação infantil

A etapa da Educação Infantil, que vai da creche até a pré-escola, é muito importante para as demais fases de formação do aluno, porque é nesse período que ocorrem, por exemplo, o primeiro contato com o mundo escolar, as crianças descobrem a figura do professor e são alfabetizadas. Por isso, o acolhimento adequado e a prevenção às lacunas de aprendizagens das crianças nesta faixa etária são preocupações primordiais.

O planejamento anual de acordo com a BNCC para essa etapa deve atender aos seis direitos de aprendizagem definidos pela BNCC para a Educação Infantil: conviver, brincar, partilhar, explorar, expressar e conhecer-se. 

Além disso, espera-se que o planejamento contemple os seguintes campos de experiências:

  • o eu, o outro e nós;
  • corpo, gestos e movimentos;
  • traços, sons, cores e formas; 
  • escuta, fala, pensamento e imaginação;
  • espaços, tempos, quantidades, relações e transformações.

Dicas para o planejamento anual de acordo com a BNCC no Ensino Fundamental

Já no Ensino Fundamental, a BNCC orienta professores a trabalharem a progressão das diversas aprendizagens em articulação com as experiências anteriores dos alunos, enfatizando atividades que incentivem o pensamento lógico, inventivo e  crítico dos alunos. 

O planejamento anual nesta etapa de aprendizagem também precisa atender a cinco áreas de conhecimento : 

  • Linguagens (Língua Portuguesa, Arte, Educação Física, Língua Inglesa);
  • Matemática;
  • Ciências da Natureza;
  • Ciências Humanas  (Geografia e História);
  • Ensino Religioso.

Cada componente curricular dessas áreas possui um conjunto de habilidades e aprendizagens que devem estar contidas nos currículos escolares por meio de unidades temáticas.

Dicas de planejamento anual de acordo com a BNCC para o Novo Ensino Médio

O novo Ensino Médio não altera as aprendizagens comuns e obrigatórias estabelecidas pela BNCC, mas oferece ao aluno a oportunidade de escolher e se aprofundar nos temas com os quais tem mais afinidade, de acordo com os itinerários formativos.

Sendo assim,  o planejamento anual de acordo com a BNCC para o Ensino Médio deve contemplar as seguintes áreas de conhecimento: 

  • Linguagens e suas Tecnologias;
  • Matemática e suas Tecnologias;
  • Ciências da Natureza e suas Tecnologias;
  • Ciências Humanas e Sociais Aplicadas;
  • Formação técnica e profissional.

Bônus! Alinhe seu planejamento anual de acordo com a BNCC e com o ENEM e outros vestibulares!

O ENEM sofrerá modificações, a partir da reforma do Ensino Médio. Dessa forma, o exame passará a ser oferecido em duas etapas: o primeiro dia terá uma prova geral baseada na BNCC; e o segundo será de realização de um exame de acordo com os itinerários formativos.

Para que seu planejamento anual esteja de acordo com a BNCC e em sintonia com as exigências do Enem e dos demais vestibulares, recomenda-se:

  • Estudar a BNCC com profundidade;
  • Buscar atualização constante e formação continuada;
  • Incorporar no planejamento o uso de tecnologias que permitam realizar simulados e testes, para despertar o interesse dos alunos e ajudá-los nesse momento.

O SAS é seu parceiro em todos os momentos do planejamento anual de acordo com a BNCC!

O SAS oferece soluções de ensino completas e consultoria pedagógica especializada  para ajudar professores e gestores nos desafios do dia a dia. Além disso, o SAS conta com recursos digitais, conteúdos e formação continuada alinhados à BNCC e às novas tendências da educação. Entre em contato e saiba como podemos ajudar a sua escola a oferecer uma Educação de Excelência. Clique aqui para falar com nosso time de consultores.