Atualizado em 25 de outubro | 2021 por SAS

A Educação está em processo constante de atualização para acompanhar os avanços tecnológicos e científicos. Por isso, integrar as tecnologias no uso cotidiano do ambiente escolar se tornou fundamental. 

Jogos educacionais, aplicativos com realidade virtual e aumentada, plataformas de metodologias ativas e softwares de gestão educacional estão cada vez mais comuns nas práticas pedagógicas e na gestão escolar.

Implementar as tecnologias nos processos de ensino-aprendizagem tem desempenhado bons resultados nos indicadores de qualidade escolar. No entanto, essa não é uma tarefa tão simples de se realizar. Para isso, é necessário colocar no planejamento da gestão escolar e das práticas pedagógicas as tecnologias educacionais enquanto recurso.

Nós do SAS Plataforma de Educação nos dedicamos a auxiliar gestores no planejamento e execução da inclusão da tecnologia educacional em seu contexto escolar. Quer saber mais? Acompanhe este conteúdo. 

O que é tecnologia educacional?

A tecnologia educacional desperta a curiosidade e o protagonismo do aluno na construção do seu conhecimento.

Tecnologia educacional é um processo interdisciplinar, um recurso fomentador de inovação e criatividade no meio educacional

É preciso que as tecnologias educacionais estejam adequadas à conjuntura em que educandos, a escola, professores, e a cultura em que a educação está inserida. 

A tecnologia educacional é uma atividade planejada, coordenada e consciente de incorporação das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC’s) para o apoio dos processos de ensino-aprendizagem e da gestão da informação. 

As tecnologias educacionais tem por objetivo integrar e aplicar os recursos tecnológicos em prol do desenvolvimento educacional, do atendimento às necessidades e demandas das realidades da comunidade escolar e a facilidade do acesso às informações.

Importante ressaltar que o conceito de tecnologia educacional está em constante atualização.

Qual a importância do uso da tecnologia educacional?

Engana-se quem pensa que o professor perde espaço com a tecnologia educacional, a relação docente e discente apenas se transforma.

É comum confundirem que a inserção das tecnologias nos processos de ensino substitui os professores. Mas o ensino remoto, potencializado pela pandemia, mostrou que não é assim que as coisas acontecem. 

Os professores são fundamentais para que as tecnologias educacionais funcionem. Afinal, são eles que mediam as tecnologias nos processos de ensino e aprendizagem. Por isso é de suma importância a capacitação dos docentes para otimizarem a utilização das TIC’s em seus projetos pedagógicos.

O uso da tecnologia nos processos educativos é uma demanda de toda comunidade escolar. Além das TICs já estarem presentes na Base Nacional Curricular Comum (BNCC), as tecnologias educacionais facilitam a gestão de informação escolar, estabelecendo tanto bons relacionamentos com responsáveis dos educandos quanto com os colaboradores escolares.

Vamos ver alguns pontos que podem ser destacados acerca da relevância do uso da tecnologia educacional:

  • Utilizar os dados para otimizar resultados ou a proposta pedagógica;

Com softwares e ferramentas, hoje se faz possível coletar dados, sistematizá-los, observá-los a médio e longo prazo e analisá-los de modo a compreender melhor os indicadores de desenvolvimento da turma e dos alunos individualmente. 

  • Suporte personalizado para os alunos;

Com base nessa coleta de dados, os professores, coordenadores e gestores escolares conseguem definir um plano de ação, identificando quais os gargalos de aprendizagem e determinar qual o foco necessário para a evolução do cenário. Assim, ao invés de abordar conteúdos de maneira geral, os docentes podem direcionar sua energia para o que de fato vai fazer cada estudante se desenvolver.

  • Facilita os processos diários para toda a comunidade escolar;

Os processos comunicativos e de gestão da informação são potencializados com as tecnologias educacionais. Além de solucionar a recorrente dificuldade de aproximar os pais e responsáveis do aprendizado das crianças, também estabelece uma cultura de localização e compartilhamento das informações.

  • Possibilita a implementação de projetos inovadores;

As tecnologias educacionais abrem caminhos para que a criatividade seja aplicada de forma inovadora. Pois, com a coleta de dados e direcionamento de esforços, os educadores possuem mais informações para definir um método eficaz de ensino, além de possibilitar uma maior integração com os alunos através de metodologias como a sala de aula invertida.

  • Fortalecimento da comunidade escolar.

O uso da tecnologia educacional também é um investimento para fortalecer o elo entre professores, gestores, famílias, colaboradores e educandos. Isso porque toda a equipe é convocada a trabalhar em conjunto para essa atividade.

Exemplos de tecnologias educacionais?

As tecnologias educacionais possibilitam que toda comunidade escolar desempenhe atividades e as compartilhe. Alguns exemplos de ferramentas são: 

  • Google Agenda

Os eventos escolares podem ser compartilhados com os responsáveis de modo mais ágil, assim como as reuniões com professores. Com essa funcionalidade é possível até ver se o evento será agendado no horário ideal dos participantes.

  • Sala de aula invertida

A funcionalidade atualizou a forma como as aulas podem ser organizadas. A sala de aula invertida foi uma solução eficiente para o ensino remoto e garantiu a muitos estudantes a aproximação com os professores durante o isolamento. Além disso, é uma ótima opção para o ensino híbrido

  • Alfabetização digital 

Com diversos recursos para fomentar a leitura crítica midiática e educar para a utilização das tecnologias digitais. Confira, por exemplo, alguns aplicativos para a alfabetização digital aqui

  • Metodologia STEM

A metodologia STEM é ideal para projetos interdisciplinares que discutem matemática, robótica e linguagem de programação. Esta solução reúne diversos recursos para professores e alunos desenvolverem habilidades de programação.

  • Linguagem, Arte e Cultura

Essa solução reúne recursos que possibilitam que estudantes visitem espaços virtuais, tenham contato com a realidade aumentada, realizem expedições e expressem o gosto pelas artes.  

Qual a função da tecnologia na educação?

A tecnologia educacional promove a autonomia e a participação dos estudantes, sobretudo, quando pensamos nas plataformas interativas.

As tecnologias educacionais têm apresentado a função de renovar os trilhos da educação. Trazendo uma proposta mais condizente ao cenário digital, no qual os alunos estão. 

Selecionamos algumas vantagens que escolas que adotam a tecnologia educacional apresentam:

  • Retenção e captação de alunos

Uma escola preocupada em se atualizar, na inovação tecnológica e na transformação educacional é um diferencial e tanto, não é? A estratégia mais eficiente para retenção e captação de alunos pode ser a própria gestão escolar alinhada às tecnologias educacionais.

  • Referência no mercado

Estudantes formados em escolas que possuem as tecnologias de informação e comunicação enquanto aliadas nos processos educacionais apresentam maiores vantagens no mercado de trabalho. Como consequência, as escolas que formam esses alunos são posicionadas em destaque.

  • Fomenta a autonomia

Professores podem aproveitar para incentivar o estudo independente e a pesquisa com as tecnologias. Dessa forma, a autonomia na busca crítica da informação é posta em prática. 

  • Democratização do conhecimento

Bastante estimulada pelas salas de aulas invertidas, pela conscientização de que o conhecimento não está somente na escola mas sim em toda experiência e pelo incentivo ao protagonismo, a tecnologia na educação encoraja os processos de descentralização do saber.

  • Transforma realidades

As tecnologias educacionais promovem uma  transformação na vida dos estudantes que estão cada vez mais conectados com a tecnologia, o que está em consonância com outras mudanças, como o Enem digital. Deste modo, o aluno está qualificado e letrado para navegar de modo crítico nos espaços digitais.

SAS Plataforma de Educação: excelência em tecnologia educacional

O SAS Plataforma de Educação é reconhecido pelo trabalho personalizado em parceria com as escolas. No que diz respeito ao uso de tecnologias para a educação, não ficaríamos de fora em propor excelência. Veja algumas das soluções do SAS:

  • Gamificação – Eureka!

Segundo estudo do SAS, há aumento de 21% no desempenho escolar de alunos que utilizam regularmente a plataforma digital e gamificada Eureka! A pesquisa analisou resultados de mais de 84 mil alunos do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental de 860 escolas parceiras espalhadas pelo país.

  • SASTV

A SAS TV conta com videoaulas de todas as matérias, a partir do 6º ano até o pré-universitário. Pode ser acessada de qualquer lugar e é uma forma dinâmica e diferente de exercitar o aprendizado.

  • Tarefa on-line SAS

Com a Tarefa on-line do Ensino Fundamental, os estudantes aprendem e revisam o conteúdo de forma divertida em atividades gamificadas e adaptativas!

  • Banco de questões

Reúne questões do Enem e de outros vestibulares num banco diverso e feito especialmente para preparar os estudantes de modo assertivo.

  • Minhas atividades

Nesta ferramenta, os professores do 4º ano do Ensino Fundamental até a 3ª série do Ensino Médio poderão criar atividades digitais com base no banco de questões SAS, acessar relatórios de desempenho em tempo real e acompanhar o engajamento e evolução dos alunos. 

Se você é responsável pela gestão escolar e gostaria de conhecer melhor essas soluções,  Converse com um de nossos consultores clicando no banner abaixo e descubra como podemos ajudar a implementar a tecnologia educacional na sua escola.